gravatar

QUERO



Quero tocar o teu rosto moreno
Num gesto de carinho e afeição
Sentir-te o palpitar do coração
E beijar o teu beijo tão sereno...

Quero te dar plena satisfação
E conquistar o teu sorriso ameno...
E ser teu aconchego, tua emoção,
O brilho em teu olhar, luar pequeno!

Quero falar-te, pois, com a minha alma
Misteriosa as palavras de amor
Que noite à fora o meu peito ditou!

Em noite assim, enluarada e calma,
Quero em meus braços fazer-te mulher
E levar-te à aurora rosicler!

by Olímpio José de Araújo

Falar de uma pessoa como você é muito fácil.

E desejar felicidades com toda sinceridade e vitórias fica mais fácil ainda.

Porque com a sua determinação, você sempre luta e alcança seus objetivos.

Quero dizer que é muito legal acompanhar a vida de uma pessoa assim como você.

Como também poder confiar em você. Não preciso dizer que você é um grande amigo,

e que a sua sinceridade faz das nossas conversas e histórias, ótimos momentos.

Estive pensando quais as palavras ou adjetivos eu poderia usar

para definir a amizade que temos, mas qualquer definição não seria suficiente

para expressar tantas coisas que já vivemos. Mas hoje, não quero apenas homenagear

um grande amigo, mas sim, uma pessoa que também é um grande pai.

Meu amigo, Feliz Dia dos Pais!

Apresentação

Cantinho da Saudade é o espaço virtual de compartilhamento de meus rabiscos de poesia produzidos desde 1994 até a atualidade, através dos quais canto a vida em suas múltiplas nuances! Os poemas que aqui vão são elaborados de acordo com as mais variadas regras e temáticas da arte poética clássica, moderna e contemporânea, consoante as múltiplas vozes de meus heterônimos!


Prefácio

Cantinho da Saudade é o meu blog
Onde quase sempre venho postar
Arrebóis, luas ternas, brisas do mar,
E uma velha ternura de bulldog!

Mergulhe à vontade, mas não se afogue
Nas águas cristalinas desse mar.
E, se razão faltar-lhe pra chorar,
Volte, então, outro dia, bem mais grogue,

Pois aqui encontrará um coração
Dilacerado sob o plenilúnio
De lembranças perenes de emoção

E saberá que da vida o infortúnio
É, procurar, em vão, na madrugada,
O sorriso da Eterna Namorada!...


Visitas de Calíope e Érato

Colaboradores

Tradução Simultânea

English French German Spain Italian
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic

Previsão do Tempo

Formas Poéticas

Acróstico (74) Aldravia (5) Balada (7) Caligrama (10) Dez-De-Queixo-Caído (2) Duotrix (8) Epigrama (5) Espinela (1) Ethree (1) Gazal (6) Haicai (48) Indriso (52) Limerik (3) Monóstico (1) Moteto (6) Plêiade (4) Poetrix (43) Quadra (29) Ritornelo (3) Rondel (58) Rondó (8) Roundel (1) Rubai (9) Sextina (1) Sonetilho (4) Soneto (410) Terza-Rima (1) Tradução (5) Triolé (11) Trova (11) Vilancete (4) Vilanela (2) Virelai (4)

Assunto Temático

Estatísticas...

Este blog possui atualmente:
Comentários em Postagens!

Visitantes

Free counters!

Outras Saudades...