gravatar

MEIGO AMOR


Com um leve sopro de Vinícius...

Eu te imploro perdão por te amar tão profundamente
Muito embora o meu terno amor seja apenas
Como o suave som de uma brisa leve aos teus ouvidos...
Dos efêmeros momentos que passei ao teu lado
Absorvendo em teus meigos olhos de ressaca
O intenso brilho de um amor que ama sem pedir nada em troca
Das noites enluaradas que vivi plenamente encantado
Pela graciosidade ímpar da tua linda presença em minha vida
E das noites escuras em que foste o sol da minha vida
Trago dentro do meu coração apaixonado
A alucinante eternidade de um grande amor
E posso te dizer que este eterno e fugaz amor que te tenho
Não é egoísta nem impaciente nem tampouco interesseiro
E nem se compraz com as horas de melancolia!
Antes, é uma ternura, um misterioso e indelével carinho,
Um sempiterno transbordamento de carícias
E te pede apenas que repouse sossegadamente
E deixes que o teu ouvido ouça o som da minha voz
Que te quer dizer todas as mais belas frases de amor
Que na noite misteriosa meu coração ditou.
Assim lerás o meu pensamento que é todo teu
E entenderás a amorosa linguagem do meu coração
E saberás que bem no profundo de minhas lembranças
Sempre existirá um pouco de você, meu grande amor,
Tal qual nas noites mesmo de intensa tempestade
Existe sempre alguma estrela a luzir na densa escuridão!
E verás no meu olhar toda a força do amor que sinto por ti
E descobrirás que, realmente, te amo com todas as minhas forças...
Sim, meu amor por ti é tão lindo que te pede apenas que sejas feliz
E que sintas em teu coração o maravilhoso desejo de amar!

by Jaime Adilton Marques de Araújo

Carinha de Anjo
Banda AR 15

Parece que você saiu de um sonho
Você pareca até irreal,
Chegou com essa carinha de anjo
Pra defender meu coração do mal,
Da solidão
Meu herói
Que chegou pra me salvar da solidão
Oque que eu vou fazer sem esse teu amor
Diz pro meu coração
Meu herói
As flores não estão mais artificiais
A lua e as estrelas ainda brilham mais
Feito um clipe romântico
Volta o filme me deixa sonhar!
Vou sonhar
Vou sonhar
Até agente acontecer
Vou sonhar
Vou sonhar
Vou sonhar
Até acordar com você

Apresentação

Cantinho da Saudade é o espaço virtual de compartilhamento de meus rabiscos de poesia produzidos desde 1994 até a atualidade, através dos quais canto a vida em suas múltiplas nuances! Os poemas que aqui vão são elaborados de acordo com as mais variadas regras e temáticas da arte poética clássica, moderna e contemporânea, consoante as múltiplas vozes de meus heterônimos!


Prefácio

Cantinho da Saudade é o meu blog
Onde quase sempre venho postar
Arrebóis, luas ternas, brisas do mar,
E uma velha ternura de bulldog!

Mergulhe à vontade, mas não se afogue
Nas águas cristalinas desse mar.
E, se razão faltar-lhe pra chorar,
Volte, então, outro dia, bem mais grogue,

Pois aqui encontrará um coração
Dilacerado sob o plenilúnio
De lembranças perenes de emoção

E saberá que da vida o infortúnio
É, procurar, em vão, na madrugada,
O sorriso da Eterna Namorada!...


Visitas de Calíope e Érato

Colaboradores

Tradução Simultânea

English French German Spain Italian
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic

Previsão do Tempo

Formas Poéticas

Acróstico (74) Aldravia (5) Balada (7) Caligrama (10) Dez-De-Queixo-Caído (2) Duotrix (8) Epigrama (5) Espinela (1) Ethree (1) Gazal (6) Haicai (48) Indriso (52) Limerik (3) Monóstico (1) Moteto (6) Plêiade (4) Poetrix (43) Quadra (29) Ritornelo (3) Rondel (58) Rondó (8) Roundel (1) Rubai (9) Sextina (1) Sonetilho (4) Soneto (410) Terza-Rima (1) Tradução (5) Triolé (11) Trova (11) Vilancete (4) Vilanela (2) Virelai (4)

Assunto Temático

Estatísticas...

Este blog possui atualmente:
Comentários em Postagens!

Visitantes

Free counters!

Outras Saudades...