gravatar

MORENA



Morena
Teus longos cabelos - caídos no teu rosto levemente -
Negros como a noite serena e sem luar...
Teus lábios formosos como a rosa escarlate
Sorrindo-me intensamente
E a sedutora magia desse teu olhar...
Morena
Mui bela, faceira,
A tua pele trigueira
Eu quero acariciar!

Morena
Meu adocicado mel
Tens o inebriante perfume da rosa.
Vem! Eu quero envolver-te nos braços meus,
Ó minha meiga morena dengosa!

Quando eu for embora um dia
Para um lugar bem distante daqui -
Quando chegar a triste hora do adeus -
Quero, ó Morena, ver-te nos braços meus...
Ah! Quando enfimeu tiver que me despedir
Quero absorver na tua boca a nostalgia
E unir os meus amargos lábios aos doces lábios teus...
E eu, Morena, levarei comigo a saudade
Dos bons momentos floridos de felicidade
Que contigo gozei como se fosse num himeneu!

Morena
A tua linda imagem
Guardarei em meu coração
Que por ti está batendo a mil...
Aonde quer que eu vá, mulher pequena,
Estás comigo ainda que numa ilusória miragem
Pois és o amor da minha vida, a minha grande paixão.
És a perfeição, o maior encnato e o orgulho do meu Brasil!

by Léo Frederico de Las Vegas
À Marta Moraes Garcia

Apresentação

Cantinho da Saudade é o espaço virtual de compartilhamento de meus rabiscos de poesia produzidos desde 1994 até a atualidade, através dos quais canto a vida em suas múltiplas nuances! Os poemas que aqui vão são elaborados de acordo com as mais variadas regras e temáticas da arte poética clássica, moderna e contemporânea, consoante as múltiplas vozes de meus heterônimos!


Prefácio

Cantinho da Saudade é o meu blog
Onde quase sempre venho postar
Arrebóis, luas ternas, brisas do mar,
E uma velha ternura de bulldog!

Mergulhe à vontade, mas não se afogue
Nas águas cristalinas desse mar.
E, se razão faltar-lhe pra chorar,
Volte, então, outro dia, bem mais grogue,

Pois aqui encontrará um coração
Dilacerado sob o plenilúnio
De lembranças perenes de emoção

E saberá que da vida o infortúnio
É, procurar, em vão, na madrugada,
O sorriso da Eterna Namorada!...


Visitas de Calíope e Érato

Colaboradores

Tradução Simultânea

English French German Spain Italian
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic

Previsão do Tempo

Formas Poéticas

Acróstico (74) Aldravia (5) Balada (7) Caligrama (10) Dez-De-Queixo-Caído (2) Duotrix (8) Epigrama (5) Espinela (1) Ethree (1) Gazal (6) Haicai (48) Indriso (52) Limerik (3) Monóstico (1) Moteto (6) Plêiade (4) Poetrix (43) Quadra (29) Ritornelo (3) Rondel (58) Rondó (8) Roundel (1) Rubai (9) Sextina (1) Sonetilho (4) Soneto (410) Terza-Rima (1) Tradução (5) Triolé (11) Trova (11) Vilancete (4) Vilanela (2) Virelai (4)

Assunto Temático

Estatísticas...

Este blog possui atualmente:
Comentários em Postagens!

Visitantes

Free counters!

Outras Saudades...